Juízes federais saúdam homologação de delações da Odebrecht

     Do Valor Econômico

    A Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) elogiou a decisão tomada hoje pela presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, de homologar as delações de 77 executivos da Odebrecht. A ministra manteve o sigilo sobre o conteúdo.

     

    “A presidente do Supremo Tribunal Federal demonstrou o seu compromisso com a celeridade processual ao homologar no plantão a delação dos responsáveis pela Odebrecht. A delação homologada permitirá a identificação dos envolvidos na prática das infrações penais e na recuperação dos recursos desviados pela corrupção”, afirmou o presidente da Ajufe, Roberto Veloso.

     

    A homologação dá validade jurídica às colaborações, que agora podem servir de base às investigações da Polícia Federal e do Ministério Público Federal (MPF).

     

    A expectativa é que as delações contenham informações comprometedoras sobre centenas de políticos e detentores de cargos públicos, incluindo o presidente Michel Temer e os atuais presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL).

     

    A decisão de levantar o sigilo sobre as delações deve ficar a cargo do próximo relator da Lava-Jato no STF. Segundo apurou o Valor PRO, serviço de informação em tempo real do Valor, ele deverá ser escolhido na quarta-feira, 1º fevereiro, quando a Corte voltará aos trabalhos após o recesso judicial.

     

    Ainda não está definido se o novo relator sairá da Segunda Turma do STF, ou se será escolhido entre os ministros que integram o Pleno do Supremo. A Segunda Turma é o colegiado que julga o caso Lava-Jato na Corte.

     

    Também não está claro se a escolha do novo ministro se dará por sorteio eletrônico entre os ministros ou se ele será indicado pela presidente do STF, ministra Cármen Lúcia.

     

    Link para a matéria do Valor Econômico: http://bit.ly/2kM5PQp

    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org